Arquivo da tag: nome

AMAVIO

se pronuncio o seu nome
uma tempestade de avessos
anuncia-se no poente azul
do meu átrio

trilhas e escarpas
a distância correta
escapa entre os dedos
quando a língua risca
a palavra o ar molhado
carregando o seu nome

era quase manhã era busca
o vento soprava no jardim de vênus
era quase manhã era pausa
a respiração e a reparação
era quase manhã era cansaço
a vida exsudava no espaço

sei seu nome não é fardo
assim cuido que jamais suma
tanto mais pesado se parece à alma
é ainda mais leve quando dorme
leve brisa que floresce calma
leve rosto pousado na minha palma