BAILAMAR

diz-se que ao atravessar o mar todo homem paira
diz-se que ao levitar todo homem baila
na jangada a ponte do ar
encosta na malha e os cabelos
guiam a vela assoprando a parelha do nada
a madeira parece alada
mil anáguas volteiam
o céu desce
continua
a rainha
n’água

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s