OBRA ABERTA

já o céu desmorona
inexoravelmente
(uma palavra apenas)
ribomba
gracejos
infernais
sobre os homens

a desolação não tem nome

levatreva

dentro
dentro da terra
seu centro
o sol de dentro
ergue-se
(isso basta)
suficiente
(a força da palavra)
a letra aberta
será pétala

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s