APORTADA

Amanheci deslumbramento.
Cessa o cego que fui
por tanto tempo.

O Sol no seu porto moreno
ressoa
oceanos e invernos.
Voa, gabbiano, voa!

Não mais o périplo
incerto ou tormentas.
Desfaz-se o sonho denso.
Voa, gabbiano, voa.
O argonauta enfim descansa.

Amanheci intenso
na sua encosta
mais serena.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s