Tu estás em todos os lugares

felipe-e-jenifer

Imagem: Jennifer Trajano

 

TU ESTÁS EM TODOS OS LUGARES

(Felipe D’Castro)
um poema para Jennifer
tu estás em todos os lugares
em todos os rostos, em todos os andares
tu estás como uma natureza que habita
todas as vidas deste mundo.
tem teus olhos as frutas que pendem
das árvores charmosas no centro da cidade
e as aves que singram as alturas
carregam o leve som do teu nome.
todas as nuvens figuram teu ventre
e quando a tarde adormece
vejo teu colo exposto no céu
como uma bandeira do eterno delírio.
os mares copiam tua valsa
quando, calada, me convences de tudo
e os peixes que deles pulam
são tuas dores, as balas de prata.
tu estás em todos os lugares
e por estares tão dentro aqui
já não cuido saber se sois tudo
ou se todos os lugares estão em ti.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s