[por vezes…]

por vezes a meio da carinhosa noite desperto
completamente imóvel com o corpo preso às vidraças nítidas
do meu quarto espesso
feito fruto em queda vertiginosa no ouvinte chão

lá fora chove torrencialmente é uma noite escorregadia
onde se vive tudo a descoberto como quem se comove
a dividir o momento com alguém importante

talvez com a pessoa mais importante que nos faz estremecer
a concavidade do nosso quente coração aos pulos

após um turbilhão promíscuo de pensamentos
viagens sem qualquer destino ou memórias vindas da infância
começo então a pouco e pouco a mover os dedos declamando-os
no ar com gosto a flores a inclinarem-se para fora de si

por cima espalha-se o reflexo do sol embrulhado num veludo macio

cerro os olhos em abandono do universo e dos outros que entretanto
se perderam na desgraça numa fecunda lassidão triste dos dias
a desmoronarem-se abstractamente

e só se dão conta disso tarde demais
batendo com a sua náusea na velhice infiel apodrecida sem luz
ou alguma luz estilhaçada pela pestilência das coisas ingénuas
e é a sentir esta tristonha canção que me invado à deambulação
cósmica

enlaço-me lentamente nos astros a inundarem-se no precipício
vulcânico dos planetas ternurentos

depois corro à velocidade desta vida que me perdeu me destruiu
o coração impassível
e genuinamente nem sabe quem sou ou o que sinto
ao arrancar a pele da carne
a carne da pele que arranca de repente o sangue definitivo

então levanto-me dentro da verdade de mim mesmo
descubro que posso ser mais um pedaço de pecados e maravilhas
tocando subitamente o céu a flutuar solitário
chorando estrelas de cetim…
… quanto me tocam nos lábios videntes o medo triste
de me abandonar…

pouco importa sempre acreditarei em amar o mais melancólico
e irónico da minha alma por isso choro comovido

 

filipe marinheiro, em «noutros rostos», chiado editora 2014

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s