Memória

O musgo vai cobrindo as paredes
entre as quais vivemos
se alastra sobre fotografias
Lâminas verdes de silêncio
calam nossa memória
nossas alegrias
E um dia tudo será passado
vou olhar para tudo sem dor
sem medo nem esperança
como uma obra pintada por outra pessoa
sem uma gota do meu sangue

Iracema Macedo

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s