DOMINGO

Já está decidido:
eu morrerei num Domingo
não por ser, como de fato é,
o dia mais triste da semana
mas por que tenho que morrer
no Domingo
sem nenhuma pressa, com bocejos
sem cartas de despedida ou alforria

seguirá meu cortejo frio
meia-dúzia (se tanto) se importará
– inevitável desfecho

por que tinha que ser no Domingo?

darei risadas e mais risadas,

é preciso morrer num Domingo.

Leandro Rodrigues

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s