minha pessoa caçador

robert gligorov

● geralmente a fera ataca minha pessoa ●
● quando minha pessoa ta desarmada ●
● quando minha pessoa desmonta o rifle ●

● sempre segundo as boas regras do manual ●
● minha pessoa espalha sobre a mesa de campo ●
● as peças e minha pessoa começa a limpeza ●

● depois dalgumas horas minha pessoa ●
● tem nas mãos cada peça do rifle brilhando ●
● sob a grande arvore minha pessoa acaricia ●

● a paisagem se perdendo nos olhos de minha ●
● pessoa q pensa em começar a remontagem ●
● é nesse momento de muita fragilidade ●

● quando minha pessoa ta desarmada ●
● q começam os ruidos como se um grande ●
● animal rondasse o acampamento roçando ●

● os bigodes as unhas no encerado das tendas ●
● minha pessoa tem medo se apavora e treme ●
● minha pessoa coloca os pedaços da arma ●

● num saco e minha pessoa corre pro abrigo ●
● minha pessoa chega suada enlouquecida ●
● de medo se retorcendo de pavor ●

● minha pessoa espalha pelo chão os pedaços ●
● do rifle e minha pessoa louca monta tudo ●
● tão rapidamente q ao se levantar ●

● como se minha pessoa iniciasse a caçada ●
● minha pessoa encontra nas mãos um novo ●
● objeto uma coisa jamais o rifle de minha ●

● pessoa uma coisa desconhecida pra minha ●
● pessoa uma coisa vinda do desespero ●
● vinda da imaginação do medo ●

● de minha pessoa q se senta tentando desfazer ●
● aquela loucura e o animal se aproxima ●
● minha pessoa sente a maciez estofada ●

● das suas patas na terra solta do verão ●
● a arma ta desfeita entre as pernas de minha ●
● pessoa entre as pernas de minha pessoa ●

● minha pessoa olha pros lados como se fosse ●
● morrer naquele momento assim mesmo ●
● minha pessoa rememora as lições ●

● do manual e assim minha pessoa consegue ●
● reconstruir o rifle a tempo de levantar ●
● e abrir a tenda pensando na fera ●

● no sangue agitado da fera minha pessoa ●
● procura com o dedo indicador da mão ●
● esquerda porq minha pessoa ●

● é terrivelmente canhota o gatilho ●
● mas não ha não ha gatilho algum ●
● ele deve ter ficado embaixo da cama ●

● berra minha pessoa rodopiando na areia ●
● solta entre as tendas a arvore as arvores ●
● a planicie o vulcão o vulcão ao longe ●

● minha pessoa berra e berra embaixo ●
● da cama deve ta embaixo da cama minha ●
● pessoa sente sim ao redor a presença ●

● da fera a fera é real é sinuosa ela olha ●
● minha pessoa ela sente o cheiro de medo ●
● de minha pessoa q gira na areia o vulcão ●

● minha pessoa atacada a qualquer momento ●
● o golpe no pescoço as tripas pra fora a fera ●
● com os dentes por dentro de minha pessoa ●

● minha pessoa inda viva os olhos mexendo ●
● o cheiro da morte envolve tudo e minha ●
● pessoa so enxerga a fera a fome da fera ●

● minha pessoa volta correndo se atira no chão ●
● o gatilho com certeza ta embaixo da cama diz ●
● minha pessoa e em poucos segundos tem ●

● nas mãos o gatilho mas minha pessoa ●
● ta ofegante demais ta apavorada demais ●
● minha pessoa sabe q deve abrir a arma ●

● minha pessoa olho pros lados diz o tempo ●
● não vai dar tempo a fera vem vindo a fera ●
● não vai esperar nem mais um segundo ●

● o monstro arranha indocil a pele da tenda ●
● minha pessoa chora desconsolada dizendo ●
● sou feito de medo sosomente de medo ●

● em minha pessoa so resta espaço pro medo ●
● inda tremendo minha pessoa tem de repente ●
● o rifle e a vontade de matar a fera porisso ●

● minha pessoa corre pro meio do acampamento ●
● minha pessoa rodopia sobre os calcanhares ●
● buscando os olhos da fera as garras da fera ●

● mas não resta da fera nem a sombra da fera ●
● foi embora digo bem devagar e assim minha ●
● pessoa se senta no chão e dessa maneira ●

● passa o resto da tarde minha pessoa sabe ●
● q a fera não voltara q a fera sabe q minha ●
● pessoa ta armada e sem medo talvez ●

● amanhã de manhã quando minha ●
● pessoa for novamente limpar o rifle ●
● ela retorne pra fazer minha pessoa sofrer ●

● as agonias do medo o desespero do medo ●
● assim é todo dia todo dia esse desespero ●
● essa loucura entre minha pessoa e a fera ●

● a arma se suja na areia q minha pessoa ●
● levanta e porisso minha pessoa precisa ●
● limpar mas a fera não se saciou e voltara ●

*

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s