Melikatron

tumblr_lxr10rRjuL1r8lrcwo1_r1_500

emerge a abelha rainha:
assim eleito o zangão
nutro-me de suas iguarias

não há ferrão que resista

puxando forte pelas asas
funde gozo e geleia real
melaço que me poliniza

estoque vitalício de libido
colmeia balança na árvore
pendurada por um só fio

segue nosso ritual dourado
zangão se lambuza de favo
e embebeda a lua de mel

fazendo do casto alveário
o nosso próprio bordel.

(Amanda Vital)

Anúncios
Este post foi publicado em Avulso em por .

Sobre vitalamanda

Amanda Vital (Ipatinga-MG, 1995) cursa Letras na Universidade Federal de Minas Gerais, em Belo Horizonte. Apaixonada por poesia contemporânea, publicou seu primeiro livro de poemas, "Lux", pela Editora Penalux em 2015. Contato: amandavital@live.com Facebook: https://www.facebook.com/vitalamanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s